Texto | Consulta

“Oi Doutor, sei que é a minha primeira sessão e eu devia estar tímida e com medo de falar com você, mas não precisa vir com todo esse cliché.
Eu realmente preciso falar. Eu não era assim. Sinto falta de mim.
Sabe Doutor, mesmo quando eu tava enlouquecendo, eu conseguia me alegrar com alguma coisa. Hoje isso parece missão impossível. Eu tento falar com as pessoas naturalmente, ás vezes até dou risada, mas dói porque não consigo falar a minha real situação, mostrar quem eu sou agora.

Continuar lendo

Anúncios