Viagem | O Começo

Fui viajar, postei algumas fotos, mas e daí né?

Como é bastante coisa que quero contar,  serão bastantes posts, mas não irei falar toda semana sobre se não fica cansativo. E, pra não atropelar as coisas, vamos começar do início…

  • O começo:
    Desde a última vez que nos vimos, o que queríamos é que eu fosse viajar em agosto para passar apenas 1 ou 2 meses, porém, conversando com o meu pai, foi decidido que eu ganharia a viagem de presente de aniversário (que foi em setembro) e iria em novembro pra poder passar os 3 meses que eu tenho autorizado (pois pra passar 3 meses, brasileiros não precisam de visto em alguns países da Europa).Afinal, eu ainda tinha o ENEM pra fazer e assim, eu teria tempo pra estudar.Dia 26 de setembro compramos minha passagem pela Decolar.com, ficou num preço mais acessível do que imaginávamos. Meu embarque seria no dia 10 de novembro, de Guarulhos para Amsterdam com conexão em Madri e a companhia era a Iberia, uma empresa da Espanha.captura-de-tela-2017-02-08-20-54-57
    Foi uma ansiedade terrível ! Mesmo faltando tão pouco pra ir (menos de 2 meses) parecia que estava tão longe. Estudar, sair, ouvir música, nada passava o tempo.Na semana do ENEM, já consegui me organizar melhor (faltava menos de 15 dias!!!). Comecei a lavar algumas coisas, comprar o que faltava, ver os documentos e tomando cuidado pra não deixar passar nada em branco. Até porquê eu nunca tinha viajado pra tão longe.

    O pior foi na noite passada. Não conseguia dormir, ficava checando minhas coisas toda hora. Alguém ai já passou por isso? É irritante querer dormir e não conseguir.

    Continuar lendo

Texto | Ah, o meu amor…

“O meu amor me pegou assim, desprevenida, chegou quietinho como se não quisesse nada. Chegou me dando um sorriso, um abraço rápido e dizendo “oi, preciso ir ao banheiro”.

Não tive tempo ainda de falar sobre a sensação que tive e tenho desde que esse mês se passou, se passou tão rápido certos dias, e tão devagar em outros.
Ainda consigo sentir a sua presença na minha cama e me sinto triste ao ir na sala e ver que você não está ali comendo um pote de açaí que preparei e assistindo televisão. Continuar lendo